Um natal inesquecível

tumblr_static_7b9ed09sj5s00w8skcwwgk4kk
créditos

O natal sempre foi importante para mim. E não é por causa dos presentes, nem das comidas deliciosas dessa época. É por causa do ar que parece que muda, das pessoas que parecem estar mais amáveis, é por causa do que isso representa.

Pensei em um natal inesquecível, achei que seria fácil de encontrá-lo. Só que não. E não foi por falta, foi por excesso. Tive tantos natais especiais que ficou difícil a tarefa de escolher um só. Mas se eu pudesse destacar algo em comum em todos esses natais especiais, com certeza, seria: a minha família reunida.

No fim das contas, apesar das piadinhas sem graça, das perguntas constrangedoras, as únicas pessoas que estarão do nosso lado, mesmo a gente estando errado, são a nossa família. Pois eles realmente se preocupam com o nosso bem estar.

Para mim, o natal inesquecível é aquele com as pessoas que amo bem pertinho de mim. Mesmo se não tivermos presentes, nem comidas caras. Mesmo se a gente tiver que improvisar um pezinho para a velha árvore de natal. E tiver que fazer os enfeites para pendurar… O natal inesquecível é feito de afeto, feito de família, que não é de margarina, mas que sabe ser feliz de vez em quando.

Um natal de abraços, de laços, de cumplicidade. É amar o natal por saber que nessa data todo mundo estará junto novamente. É perdoar o outro por não ter sido legal com você. É perdoar a si mesmo por não ter sido tão legal com os outros.

No fim das contas, o melhor presente que temos a oferecer aos outros é mesmo a nossa presença ao lado deles.

Bem que o natal podia ser todo dia…

…………………………………………………………………………………………………………………..

♥ Me encontre nas outras redes sociais:

TumblrFlickrInstagram ♥ Snapchat:dreamer_joyTwitterFacebook }

Anúncios

O que eu quero ser quando eu morrer?

20150103203455_94179444
Imagem por Débora Meleti

Quando somos crianças nos perguntam: O que você quer ser quando você crescer?

Há crianças que querem ser médicos, modelos, cartorários, professores, motoristas de ônibus…

Há os espertinhos (ou muito bobos) que respondem: “Quando eu crescer quero ser grande, ué!”

Eu era uma criança que quis ser muitas coisas. Mas o meu maior desejo era não morrer. E mais: que nenhuma pessoa que eu amasse morresse. Eu queria ser robô. Eu não consegui ser robô, descobri que eu era gente. Gente que sente. Sente dor. Sente frio. Gente que morre.

“A morte é a única certeza da vida” é o que eles dizem. Mas que certeza é essa tão cheia de dúvidas? Ou sou eu que sou cheia delas?

Um dia todos morremos, ponto. Mas e depois? Não há depois? Há depois? Tem depois mas a gente não lembra de nada? Tem depois e a gente lembra de tudo? Vou encontrar todos que amei no céu? Morreu acabou? A vida acabou ali?

Sempre quis ver a morte como algo bonito. “Um ciclo da vida que se encerrou ali.” Nunca consegui… Até agora.

Hoje eu posso dizer o que eu quero ser quando eu morrer: Quero ser vida!

Eu queria ser flor. Um girassol bem lindo.

Mas aceito ser árvore. Mas tem que ser árvore florida, viu?

Quero que as pessoas passem por mim e se encantem, que fotografem e que contem aos outros que árvore bonita me tornei.

E, quem sabe, ali na minha sombra uma criança dê seus primeiros passos; Dois jovens apaixonados se beijem pela primeira vez…

Alguém sente ali para esquecer dos problemas; para ler um livro; contar uma história para alguém.

Que as crianças brinquem de roda em volta de mim. Que dois velhinhos parem um tempinho para descansar na minha sombra.

Que um casal deixe um coração gravado com as suas iniciais em meu tronco para eternizar seu amor.

Que o vento bata em minhas folhas e que me alegre, assim como me alegra ao bater em meus cabelos.

Que todos se lembrem de mim com alegria. Que lembrem que fui vida. Que estou viva, mesmo depois de ter morrido.

E a vida eterna? A vida eterna existe.

Inspirado em: https://awebic.com/cultura/adeus-caixoes-capsula-organica-transforma-pessoas-falecidas-em-arvores/  ❤

————————————————————————–

♥ Me encontre nas outras redes sociais:

TumblrFlickrInstagram ♥ Snapchat:dreamer_joyTwitterFacebook }